domingo, 21 de outubro de 2012

Amores vem, Amores vão .... Ficam os momentos fantásticos!!!!


Todas as pessoas são capazes de sobreviver e crescer com o fim de um relacionamento, por maior que seja o sofrimento.

Amores vem, Amores vão .... Ficam os momentos fantásticos!!!!

É necessário saber que para cada amor, ao acolhermos a dor que provoca o abandono, nos deixa mais preparados a próximos encontros e a novos enamoramentos.

O bom amor não é o que dura muito, mas o que nos faz viver intensamente: eros magia e desejo.

A capacidade para amar é parte do nosso ser e sendo assim o “Amor” certamente entrará novamente na nossa vida.

No entanto, é sempre difícil se lidar com o término de um relacionamento. Várias são as questões envolvidas. Raramente as duas pessoas do par têm certeza de que querem se separar, e sentem-se livres e desimpedidas para fazer isso, tranqüilamente. 

No entanto, separar, muitas vezes, é o desfecho necessário, de formas simbióticas, confluentes e, às vezes, psicóticas, de relacionamento, que embotam o potencial individual, em favor de uma ilusão de felicidade que aliena o desejo, os projetos e a humanidade do outro.

O importante é saber o que realmente deseja para vc, é preciso que se compreenda que cada pessoa é diferente e que, se almejarmos viver em harmonia, carecemos nos conhecer melhor e ir a procura daquilo que almejamos para nós mesmos. 

É possível ser feliz, tanto sozinho quanto numa relação. Para isso, necessitamos estar livres de amarras emocionais.

Muitas vezes a qualidade de vida psicológica de uma pessoa depende dos tipos de vínculos que ela estabelece no início de sua vida com seus modelos (mãe, pai e/ou cuidadores ) os quais serão mantidos durante seu amadurecimento.

Nossas estruturas cognitivas serão organizadas em função dos mesmos. Estes vínculos são importantes para a formação da estrutura da personalidade, na escolha de relacionamentos amorosos, interpessoais, no ambiente de trabalho, na forma de administrar o stress diário...

Um dos caminhos para administrar nossos problemas e ter uma vida de qualidade é desenvolver o autoconhecimento, conseqüentemente, a auto aceitação e com isso a autoestima. E se sozinho não nos for possível, o auxílio de um profissional especializado, é o grande diferencial que pode ser de grande ajuda.

JOSELAINE GARCIA
Psicóloga e Hipnóloga
CRP 07/18433 e SIAHC 1488
Pós Graduada em Docência Universitária
Hipnóloga credenciada ao Instituto Brasileiro de Hipnologia e
Membro da Sociedade Ibero-Americana de Hipnose Condicionativa
Consultório Psicológico em Cruz Alta - RS

_______________________
Prêmios recebidos

Psicóloga Destaque Municipal 2012, no município de Cruz Alta/RS, Conforme pesquisa pública realizada pela Empresa Exclusiva Pesquisas.
* Prêmio Master Sul Brasil 2012 - Consultório de Psicologia destaque na Região Sul do Brasil, (RS, PR, SC) – , conforme pesquisa da Empresa Master Pesquisas.
Prêmio Master Estadual 2012 - Consultório de Psicologia destaque Estadual, conforme pesquisa da Empresa Master Pesquisas.
Troféu Master Estadual 2012 - Psicóloga Destaque Estadual 2012, conforme pesquisa da Empresa Master Pesquisas.
Psicóloga Destaque Municipal 2012, no município de Cruz Alta/RS, Conforme pesquisa pública realizada pela empresa Ouro Pesquisa e Publicidade.
Psicóloga Destaque Municipal 2011, no município de Cruz Alta/RS, conforme pesquisa pública da Sul Pesquisas, realizada no município de Cruz Alta – RS