segunda-feira, 9 de novembro de 2015

ANOREXIA


A anorexia não é uma mania, nem um comportamento: é uma doença, uma doença caracterizada por uma perda voluntária de peso, motivada por um desejo patológico de emagrecer aliada a um medo intenso de engordar.  

A perda de peso é conseguida através dos mais diferentes comportamentos: Redução da alimentação, especialmente com relação aos alimentos que contem um maior numero de calorias, exercício físicos intensos, utilização de medicamentos (redutores do apetite) e/ou laxantes/diuréticos, Vômitos provocados.

Desta forma, se produz uma desnutrição progressiva, aliada a transtornos físicos e mentais que podem ser muito graves, inclusive levando a morte.

OS PAIS DEVEM FICAR ATENTOS AOS SEGUINTES SINAIS:

- Peso muito abaixo do normal para a idade;
- Imagem distorcida de si (sindrome do espelho invertido) a pessoa se vê muito gorda, embora esteja magérrima;
- Dietas muito radicais, a pessoa anorexica passa a comer muito pouco ou nada come;
- Sempre dizem que não estão com fome;
- Dificilmente sentam-se a mesa com a família para as refeições;
- Comem muito devagar e picam muito bem os alimentos;
- Seus assuntos principais são: dietas e alimentação;
- Fazem muito exercicio físico, muitas vezes na madrugada;
- Isolamento da familia e amigos
- Frio excessivo
- Sono excessivo
- Lanugo (o corpo fica coberto com uma penugem fina)
- Amenorréia (falta de menstruação) pelo menos 3 ciclos
- Queda de cabelo  
- Mudanças bruscas de humor (irritabilidade, agressividade, impulsividade).Também pode passar por momentos de muita tristeza, apresentando sentimentos de culpa e baixa auto-estima
- Mentem sobre ter ou não comido, podem “esconder” a comida e depois joga-la fora.
- Insônia  
- Podem começar a apresentar problemas de relacionamento com outros membros da família, especialmente a figura materna (ligada à alimentação).
- dissimular os supostos defeitos físicos (quadris largos, abdômen, etc.).Posteriormente sua
- Freqüentemente se vestem com roupas largas e sobrepostas, cuja função a principio é função passa a ser a dissimulação da magreza extrema. Tem dificuldade em se vestir e escolher roupas, sempre buscando esconder o seu corpo cada vez mais magro, sob camadas de roupas, ex: calças de moletom, embaixo das calças jeans.

IMPORTANTE:

A presença de um ou mais sinais não indica necessariamente que a pessoa sofra de algum tipo de distúrbio alimentar.  Por isso não rotule antecipadamente.


Observe sua filha(o) durante um tempo antes de tomar conclusões precipitadas. Caso você não perceba alterações no quadro, procure um profissional.

Psicóloga Joselaine Garcia
CRP/RS 18.433

Psicóloga Clínica
Hipnóloga Clínica
Hipnoterapeuta  Condicionativa
Hipnoterapeuta   Cognitiva
Especialista em Docência Universitária

Credenciada ao Instituto Brasileiro de Hipnologia
Membro da Sociedade Ibero-Americana de Hipnose Condicionativa
Membro do Latin American Quality Institute

   B L O G U E I R A -    Blog: http://joselainegarcia.blogspot.com.br/

Colabora regularmente com a imprensa escrita, rádio e televisão.

Psicóloga laureada com diversos prêmios: Internacional, Nacional e Estadual 

CONSULTÓRIO DE PSICOLOGIA EM CRUZ ALTA RS,
Rua Barão do Rio Branco 1701, sala 101  l  Fone : 55.9167-7928