domingo, 10 de novembro de 2013

HIPNOTERAPIA

Psicologia e hipnose
Joselaine Garcia
Psicóloga e Hipnóloga

Abaixo você confere uma entrevista exclusiva, que concedi, a Redação Cruz Alta Online/João Pietro Bridi.

Tome consciência de todos os sons ao seu redor. E agora, relaxe...”. A hipnoterapia é um processo terapêutico pelo qual o profissional de psicologia utiliza-se da hipnose clínica como ferramenta na psicoterapia. Nela, são utilizados técnicas e instrumentos necessários para que o indivíduo busque por ele mesmo, ou com a ajuda do terapeuta, a solução para diferentes problemas. 


- O QUE É A HIPNOTERAPIA?

É um processo terapêutico pelo qual o profissional, psicólogo, utiliza-se da Hipnose Clínica como ferramenta na Psicoterapia.

Na hipnoterapia são utilizadas técnicas e instrumentos necessários para que o indivíduo busque por ele mesmo, ou com a ajuda do terapeuta, a solução para diferentes problemas. 

- PORQUE ELA É INDICADA? E POR QUE TIPO DE PROFISSIONAL?

A psicoterapia com técnicas de Hipnose, hipnoterapia, constitui uma abordagem terapêutica com eficácia em múltiplos problemas psicológicos e psicossomáticos e tem sido usada, com sucesso, para tratamento de:
ü  Traumas,
ü  Fobias,
ü  Ansiedade,
ü  Depressão,
ü  Pânico,
ü  Motivação e aumento da força de vontade;
ü  Dependências (Álcool, Fumo, Drogas em geral, e Medicamentos),
ü  Obesidade e ajuda ao controle de peso,
ü  Impotência sexual /ausência de orgasmo/ ejaculação precoce,
ü  Preparação de estudantes para exames e concursos,
ü  Melhora do desempenho escolar,
ü  Melhorar a memória e concentração
ü  Hiperactividade infantil,
ü  Melhora no desempenho geral de atletas,
ü  Dificuldade de falar em publico,
ü  Stress,
ü  Problemas dermatológicos de fundo emocional,

A hipnose clínica (hipnoterapia) não é um procedimento alternativo de terapia, seu emprego é reconhecido pelos órgãos oficiais de saúde como um tipo de tratamento usado por Psicólogos, Médicos e Dentistas, portanto, apenas ,os psicólogos, médicos e dentistas, com cursos de qualificação em hipnose, podem utilizar esta técnica.

Conselho Federal de Psicologia reconheceu a hipnose como terapia auxiliar, no ano 2000, a prática, entretanto, só pode ser utilizado por profissionais Psicólogos capacitados.

- FOCANDO PARA A PSICOLOGIA... A HIPNOTERAPIA SUBSTITUI A TERAPIA CONVENCIONAL/VERBAL?

A hipnose é um recurso técnico, uma ferramenta, capaz de contribuir nas resoluções de problemas físicos e psicológico e como recurso técnico, nem sempre ela é a mais indicada em alguns casos. Por isso, para a indução à hipnose, o especialista deve primeiro fazer uma avaliação do paciente para só então definir a melhor forma de tratamento do problema apresentado, após a avaliação do paciente o psicólogo conduzirá a técnica mais adequada para a necessidade do paciente.

- COMO É FEITA A HIPNOTERAPIA? (QUAIS AS TÉCNICAS)

Não existe apenas uma forma de hipnoterapia. Cada processo terapêutico será diferente e os resultados desses também serão diferentes.

Atualmente existem três linhas científicas de Hipnose mundialmente reconhecidas: a Hipnose Clássica, a Hipnose Ericksoniana e a mais recente delas, a Hipnose Condicionativa, cada linha cientifica de hipnose possui diversas técnicas de aplicação o que vai variar dependendo do caso a ser tratado.

Na hipnose condicionativa, aqui especificamente falando, emprega-se técnicas como:  
Condicionamento Externo,  Condicionamento Interno, Recondicionamento Mental, Descondicionamento mental, Bloqueio de Registros Mentais, Chaveamento Mental, Regressão de memória, progressão de memória, projeção mental, Energização e Ressignificação Mental. 

Quando um processo terapêutico se inicia, a terapia é feita sob medida para cada paciente, pois há algo importante que precisa ser levado em consideração, que é o fato de que estamos diante de um ser único e com diversos recursos internos diferentes. Por isso a terapia deve ser feita sob medida para cada paciente.


- QUAL O PAPEL DO PACIENTE NO PROCEDIMENTO? O QUE ELE PRECISA FAZER PARA QUE A TERAPIA SEJA EFETIVA?

Desde que a pessoa esteja disposta a mudar, a hipnoterapia pode ajudar a tratar esse paciente. O terapeuta é apenas o condutor desta viagem interna do paciente, quando se submete a psicoterapia, pois os recursos vêm junto com os pacientes quando estão determinados a mudar positivamente suas vidas!

- O QUE ESSA TERAPIA PODE REVELAR? E DE QUE FORMA O PROFISSIONAL CONSEGUE ENTENDER TAL COISA?

No consultório é muito freqüente a pergunta “Vou revelar os meus segredos?”.  Mesmo quando se utiliza a hipnose o “segredo” Somente será revelado se assim o desejar. Em contrapartida, o paciente terá a oportunidade de lembrar-se de coisas há muito esquecidas, o que chamamos de hipermnésia, mas só falará se sentir segurança. É importante salientar que há um código de ética profissional que rege a profissão do psicólogo, onde o paciente está protegido pelo sigilo clínico de acordo com o art. 9 do Código de Ética Profissional.
“Art. 9º – É dever do psicólogo respeitar o sigilo profissional a fim de proteger, por meio da confidencialidade, a intimidade das pessoas, grupos ou organizações, a que tenha acesso no exercício profissional.” (Código de Ética Profissional do Psicólogo)

Na hipnoterapia vários são os fenômenos que o paciente pode vivenciar, podendo levá-lo a ter diferentes aprendizagens e pensamentos. Busca-se em sua história de vida, através da anamnese , conteúdos, pensamentos e aprendizagens que levam ao processo de atuação, por exemplo, comer exagerado. A partir do diagnóstico é possível traçar estratégias de mudança, possibilitando ao paciente perceber que existem outras formas mais saudáveis de conseguir o que querem sem precisar ingerir alimentos freneticamente, debilitando o corpo e a mente e ferindo o amor próprio

- QUAIS OS RESULTADOS COMPROVADOS DA HIPNOTERAPIA?

A entrada definitiva da hipnose pela porta da frente da medicina e da psicologia não ocorreu por acaso. O movimento está sustentado por uma gama de estudos comprovando sua eficácia nas mais variadas enfermidades. Um dos mais recentes foi conduzido na Universidade de Stanford, nos Estados Unidos, e provou que o método pode ser usado com sucesso (fonte: (Revista Istoé  - Edição: 2018)

Embora seja empregada há milhares de anos, a hipnose atual é um procedimento científico de eficácia comprovada, sendo aplicada por psicólogos, e médicos de mais de 70 países, dentre eles Alemanha, Argentina, Austrália, Canadá, Chile, China, Escandinávia,  Estados Unidos, França, Holanda, Inglaterra, Israel, Itália, Japão, México, Rússia, Singapura, Suécia e Suiça.

Hoje, o conceito médico de hipnose é claro: trata-se de um estado alterado de consciência induzido por profissionais capacitados. Nesse estado, há mudanças nos padrões das ondas cerebrais e várias estruturas do órgão são ativadas com maior intensidade, em especial as relacionadas à memória e às emoções. ((Revista Istoé  - Edição: 2018)


- PARA QUE OS RESULTADOS FUNCIONEM, É PRECISO REALIZAR QUANTO TEMPO DE TRATAMENTO?

No processo de hipnoterapia os resultados obtidos são rápidos, no entanto, tudo depende da pessoa e do problema.

- EXISTE ALGUM RISCO CASO NÃO COMPLETADO O TRATAMENTO? E, DURANTE O ATO DA HIPNOSE, HÁ RISCOS?

Como todo o tratamento tem seus riscos e limitações, indicações e contra-indicações, no entanto, é um procedimento tranqüilo sem ações deletérias, desde que aplicada por profissional qualificado.

O mais importante é escolher um bom profissional em quem o paciente possa depositar confiança. E antes de submeter-se ao tratamento, conversar com o terapeuta escolhido e sanar as dúvidas necessárias.

A hipnose é isenta de perigo quando realizada por profissional habilitado.

- QUE TIPO DE RECURSO PODE SER UTILIZADO?

Para atingir um estado de relaxamento, o psicólogo, hipnoterapeuta pode utilizar alguns recursos. Na hipnose clássica, a mais antiga, temos o famoso pêndulo. Já na hipnose moderna, outras técnicas são usadas na indução ao estado hipnótico, eu utilizo o cristal. Seja qual for a técnica, o importante é promover a confiança da pessoa no terapeuta, e direcionar os pensamentos dela para um foco específico, no caso o cristal em sua mão.

- O TRANSE, PORTANTO, TRABALHA O QUÊ EM CADA PACIENTE?

O transe ajuda aliviar a tensão, o trabalho pode iniciar com um relaxamento, pois normalmente existem tensão e ansiedade envolvidas, e por isso relaxar é imprescindível. A partir daí, começa-se um tratamento mais efetivo.

Hipnotizar é até relativamente fácil, o mais complicado é o tratamento realizado, somente a hipnose ou o transe não trata nada o que trata é o processo realizado, a sugestão, o condicionamento, a ressignificação o bloqueio dos traumas etc, enquanto o paciente está em estado hipnótico. Com esses procedimentos pode-se produzir diversos impactos psicológicos, e é exatamente por este motivo que essa não é uma técnica livremente usada por qualquer um, apenas por profissionais especializados.


Você pode acessar a entrevista no site click no link :  Cruzaltaonline 

JOSELAINE GARCIA
Psicóloga e Hipnóloga
CRP 07/18433 e SIAHC 1488
Pós Graduada em Docência Universitária
Hipnóloga credenciada ao Instituto Brasileiro de Hipnologia e
Membro da Sociedade Ibero-Americana de Hipnose Condicionativa
Consultório Psicológico em Cruz Alta - RS

_______________________
Prêmios recebidos

* Psicóloga Destaque Estadual, Prêmio Master Estadual 2013, conforme pesquisa da Empresa Master Pesquisas.
* Psicóloga Destaque Mercosul, Prêmio Master Mercosul 2013, conforme pesquisa da Empresa Master Pesquisas.
Psicóloga Destaque Nacional, Prêmio Master Nacional Integrado 2012, conforme pesquisa da Empresa Master Pesquisas.
Psicóloga Destaque Municipal 2012, no município de Cruz Alta/RS, Conforme pesquisa da Empresa Exclusiva Pesquisas.
Consultório de Psicologia destaque na Região Sul do Brasil, (RS, PR, SC), Prêmio Master Sul Brasil 2012, conforme pesquisa da Empresa Master Pesquisas.
Consultório de Psicologia destaque Estadual, Prêmio Master Estadual 2012, conforme pesquisa da Empresa Master Pesquisas.
Psicóloga Destaque Estadual 2012, Troféu Master Estadual 2012, conforme pesquisa da Empresa Master Pesquisas.
Psicóloga Destaque Municipal 2012, no município de Cruz Alta/RS, Conforme pesquisa da empresa Ouro Pesquisa e Publicidade.
Psicóloga Destaque Municipal 2011, no município de Cruz Alta/RS, conforme pesquisa da Empresa Sul Pesquisas.